14/05/2024 às 11h56min - Atualizada em 15/05/2024 às 00h00min

Advogada paulista participa de sessão histórica no Tribunal Superior Eleitoral

RICARDO SILVA
divulgação
A última quinta-feira (09/05) tornou uma data histórica para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Neste dia, pela primeira vez na história do TSE, duas ministras negras estiveram na bancada. As ministras Edilene Lobo e Vera Lúcia Santana Araújo. Além disso, nas três sessões que ocorreram naquele dia, estiveram presentes quatro mulheres e três homens. As ministras Isabel Galotti, e a vice-presidente, Carmen Lúcia compuseram a bancada.
A advogada Patrícia Souza Anastácio, recebeu o convite para participar do evento diretamente da ministra Edilene Lobo. “Foi com muito orgulho que estive presente neste momento histórico da Justiça brasileira e devemos a partir deste dia caminhar para construirmos uma sociedade mais presente e igualitária”, afirmou a advogada.     
O TSE, em toda a sua história, teve apenas um ministro negro, o corregedor Benedito Gonçalves, que atuou no Tribunal durante dois anos (2021/2023). A sessão da última quinta-feira demonstra o avanço na primeira instância, nos TRS e agora também no Tribunal Superior Eleitoral.
A ministra Carmem Lúcia durante o seu discurso, enfatizou “A representação nos espaços de poder é diminuta. Se for levado em consideração este dado que revela apenas uma estrutura de organização social e de organização do poder que nos coloca numa posição de desprestígio, desvalor e até mesmo de impossibilidade real de igualdade entre homens e mulheres para participar e contribuir” finalizou.
 

Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
RICARDO DA SILVA
[email protected]


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.