30/04/2024 às 15h38min - Atualizada em 01/05/2024 às 00h01min

Africanos dominam meia maratona de Gifu, no Japão

Hillary Kipkoech, do Quênia, e Stella Chesang, de Uganda, vencem 13ª edição da prova japonesa que contou com quase oito mil atletas

Gifu, Japão
(Foto: Divulgação)
Na Meia Maratona de Gifu 2024, uma corrida de rua de nível Gold Label da World Athletics, realizada no domingo, 28, em Gifu, Japão, Hillary Kipkoech, do Quênia, venceu no masculino com o tempo de 1:01:26. Stella Chesang, de Uganda, com tempo de 1:07:59 venceu entre as mulheres. Foi a 13ª edição da prova japonesa.

Na corrida masculina, Kipkoech, o defensor do Título Amos Kurgat do Quênia e o compatriota Timothy Kiplagat correram juntos com outros atletas e lideraram a corrida desde o início. Nas difíceis condições de quase 30 graus, o líder do pelotão estava sempre mudando, mas por volta do quilômetro 14, Kipkoech e Kurgat se destacaram do resto, e a batalha pela vitória se limitou aos dois corredores. Na subida após o posto de água passado o último ponto de 3 km, Kipkoech acelerou e gradualmente se distanciou de Kurgat até vencer seu primeiro título da Meia Maratona de Gifu em 1:01:26. Kurgat chegou em segundo lugar em 1:01:38 e Kiplagat em terceiro em 1:01:55.

Na corrida feminina, três poderosas atletas Chesang, a defensora do título por dois anos consecutivos, Dolphine Nyaboke Omare do Quênia, e a campeã dos Jogos Asiáticos de 2023 Eunice Chebichii Chumba do Bahrein lideraram a competição. À medida que Chumba começou a ficar para trás por volta do quilômetro 10, a corrida ficou acirrada entre Chesang e Omare no início. A dupla correu lado a lado até Chesang acelerar por volta do quilômetro 18 para correr sozinha. Atraindo os espectadores reunidos ao longo do percurso com sua forma de corrida rítmica e incansável, Chesang alcançou sua primeira vitória em Gifu e um novo recorde pessoal em 1:07:59. Omare terminou em segundo lugar em 1:08:31 e Chumba em terceiro em 1:09:10.

Além dos melhores atletas de elite do mundo, mais de 7.600 corredores do Japão e do exterior participaram da Meia Maratona de Gifu 2024, aproveitando o percurso atraente preenchido com os locais populares de Gifu, como a magnífica natureza do claro Rio Nagara, a paisagem histórica do Castelo de Gifu e sua cidade do castelo, e as áreas centrais em frente à Estação Gifu e à Rua Comercial Yanagikase. Nas costas dos corredores, os números de peito com mensagens de incentivo escritas à mão por crianças locais os encorajaram a terminar a corrida.

No sábado, 27 de abril, um dia antes da corrida, o evento assinou e anunciou uma afiliação de corrida irmã com o Bangsaen21, uma corrida de meia maratona de nível Platinum da World Athletics, para o desenvolvimento mútuo de ambas as corridas e promoção adicional de amizade através da troca de corredores e atividades.

Esta é a segunda parceria com uma corrida no exterior para Gifu, seguindo a Maratona de Sydney da Austrália do ano passado. A Meia Maratona de Gifu, iniciada em 2011 por Naoko Takahashi, Presidente da Corrida, ex-recordista mundial e medalhista de ouro olímpica de Sydney 2000 de Gifu, com o tema "De Gifu para o Mundo", na esperança de incentivar jovens atletas japoneses a competir em competições internacionais, está continuando a evoluir ainda mais como um evento que atrai corredores do mundo para Gifu.

Naoko Takahashi, responsável pela corrida, comerou o sucesso da prova. "Gostaria de aplaudir todos os corredores que participaram da prova e os voluntários e funcionários que a apoiaram. Foi um dos melhores dias da minha vida, cheio de incontáveis palavras de agradecimento", comentou Naoko.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.