01/02/2024 às 17h17min - Atualizada em 02/02/2024 às 00h00min

ABRACEO lança calendário 2024 com mais de 800 eventos esportivos

Esta foi uma das novidades do 2º Summit da associação em parceria com a CBAt

Vinícius Cabral
FoTop
Durante dois dias, os players do universo esportivo que envolve a corrida de rua e atividades outdoors, inclusive autoridades da esfera federal e internacional, estiveram imersos no 2º Summit ABRACEO (Associação Brasileira de Organizadores de Corrida de Rua e Esportes Outdoor) e  CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo), no auditório da confederação em Bragança Paulista (SP). O mote era construir pontes e o saldo foi muito positivo. Entre as novidades, foi lançado o calendário anual de eventos esportivos, com 856  provas e que será atualizado ao longo do ano, conforme se confirmem outras provas.

"Com um calendário mais estruturado teremos um mercado mais organizado", destacou Paulo Carelli, CEO da Iguana Sports e diretor da ABRACEO. O calendário está disponível no site da associação: https://abraceo.com.br/calendario-de-provas/

Guilherme Celso, CEO da Chelso Sports e presidente da ABRACEO, ressaltou a importância do Summit, um fórum super relevante, no qual é possível conhecer os presidentes das federações de atletismo, da CBAt, interfaces do Ministério do Esporte, organizadores de corrida de rua de todo o país, patrocinadores e empresários do setor. “É uma honra poder ter conhecido todos os presidentes das Federações Estaduais de Atletismo, e essa possibilidade é muito positiva para o nosso mercado, e almejo que nossa amizade entre os organizadores seja uma realidade agora também com os presidentes das confederações, o que vai possibilitar no futuro, ações ainda maiores”, observou o presidente da ABRACEO.

Wlamir Motta Campos, presidente da CBAt, também ressaltou esse encontro ímpar proporcionado pelo Summit: “Esse encontro foi extremamente importante, essa conversa era realmente necessária. Mas temos que pensar no futuro, e amanhã, qual será a lição de casa? Nossa lição de casa, de todos que participaram do Summit é colocar tudo isso em prática. Vamos fomentar a necessidade de respeitar as normas, as obrigações do Permit, mas não por ser uma lei, mas por assegurar a segurança de todos os atletas, e que é para o organizador, um selo de qualidade.”
Entre as várias plenárias, ficou claro para todos, durante o Summit, que sim corrida de rua é atletismo. Prova disso é a criação do Mundial de Corridas de Rua, pela World Athletics. A  primeira edição foi em 2023, em Riga, na Letônia. Como também a importância da integridade das competições com a aferição dos percursos, com o certificado de medição internacional, e  controle antidoping.

Alessio Punzi, Head of Running and Mass Participation da World Athletics, frisou que ter a participação maciça dos corredores amadores nas corridas é ótimo,  mas a elite continua sendo "extremamente importante", com premiações em dinheiro, e o envolvimento da mídia da televisão.

A World Athletics decidiu entrar no mundo das corridas de rua e criou o programa de certificação Label (selo). "Não gera tanto dinheiro para a entidade, mas mostra que há regras que devem ser seguidas. É bom para o esporte e precisamos de parceiros, organizadores e federações nacionais. E sabemos que mais gente vai praticar o esporte se vocês forem a eventos bem-sucedidos." Desde que foi criado, o  programa já certificou 258 corridas.
 

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.