26/01/2024 às 13h24min - Atualizada em 27/01/2024 às 00h00min

Hérnia de disco lidera causa de afastamento do trabalho no Brasil

De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Previdência Social, cerca de 51,4 mil brasileiros foram afastados durante o ano devido a essa condição médica

Prezz Comunicação
Divulgação/Canva

A hérnia de disco foi a principal razão para o afastamento de trabalhadores do mercado de trabalho em 2023. De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Previdência Social, cerca de 51,4 mil brasileiros foram afastados durante o ano devido a essa condição médica. Esse benefício é concedido pelo INSS quando o trabalhador precisa ficar afastado do serviço por mais de 15 dias por motivo de doença, e a duração do afastamento varia de acordo com a situação.

O Dr. Nilo Carrijo Melo, especialista em coluna do Grupo Spine explica que a hérnia de disco é uma condição médica que ocorre quando o núcleo interno de um disco vertebral se projeta para além de sua posição normal, levando a dores, desconforto e, em casos mais graves, a compressão dos nervos adjacentes. “Os sintomas variam, mas comumente incluem dor nas costas que pode irradiar para os membros inferiores, sensação de dormência, formigamento ou fraqueza em uma ou ambas as pernas”, destaca Nilo.

A hérnia de disco é uma condição dolorosa e limitante, impactando severamente as atividades diárias, e, consequentemente, o desempenho profissional. Diversos fatores contribuem para a manifestação dos sintomas da hérnia de disco no ambiente de trabalho. “Longas horas em frente ao computador somadas à postura inadequada, especialmente se associada a cadeiras desconfortáveis ou mesas mal ajustadas, podem colocar uma pressão excessiva na coluna vertebral, aumentando o risco de lesões”, aponta o especialista.

Uma grande vilã para a integridade dos discos vertebrais é a execução de movimentos que exijam flexão e/ou rotação repetida do tronco, principalmente quando se faz isso levantando pesos. “Além disso, a falta de pausas para o descanso, o levantamento de objetos pesados sem a devida técnica e a pressão constante sobre a coluna vertebral durante atividades laborais podem desencadear ou agravar a condição”, completa.

O especialista afirma que a melhor medida preventiva contra a hérnia de disco é a boa postura. “Manter uma postura correta ao sentar-se é fundamental. Para ajudar, o trabalhador pode utilizar cadeiras ergonômicas e ajustar a altura das mesas. Incorporar pausas curtas e realizar exercícios de alongamento durante o expediente também são ótimas estratégias para aliviar a pressão na coluna e melhorar a circulação sanguínea”. Para aqueles que trabalham com levantamento de cargas, o ideal é que tenha um treinamento prévio, com instruções sobre técnicas adequadas para levantar objetos pesados.


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.