06/09/2023 às 12h48min - Atualizada em 08/09/2023 às 00h00min

Eventos Esportivos Outdoor movimentam o equivalente a uma Copa do Mundo por ano

Foram 3.5 milhões de inscrições em 7. 3 mil provas de corrida, natação e ciclismo em 2022

Vinícius Cabral
ABRACEO
Em 2022, os eventos esportivos que envolvem corrida, ciclismo e natação foram responsáveis diretos por 3.5 M de inscrições, o que daria para lotar 77 estádios de futebol, com capacidade para 45 mil pessoas, mais do que uma Copa do Mundo, que são 65 jogos. No ano, houve um crescimento de 25% no setor. Dados da plataforma Ticket Sports, resultado divulgados recentemente no TS Summit 2023.

“Ainda hoje algumas prefeituras não enxergam o potencial do nosso setor, mas este cenário está mudando a passos largos”, destaca Guilherme Celso, CEO da Chelso Sports, e presidente da Associação Brasileira de Corridas de Rua e Esportes Outdoor (ABRACEO). A entidade, por exemplo, finalizou o primeiro ano de atuação com 44 associados, e hoje já somam 77.  Só primeiro semestre de 2023,  houve um aumento de 14,44% no número de organizadores e de 15,76% do número de eventos.

O setor de corridas de rua e esportes outdoor foi um dos que mais sentiu os impactos da pandemia do coronavírus e um dos últimos a retornar. A ABRACEO, fundada em março de 2020,  teve um papel fundamental nessa retomada e agora está empenhada em profissionalizar o setor, por meio do pilar governamental, educacional e network.

O segmento mostra um cenário de crescimento em curva ascendente com uma grande margem. Estima-se em 13 milhões o número de corredores no Brasil. Os ciclistas são mais 40 milhões e os nadadores, mais 11 milhões, que dá um total de 64 milhões, que nos próximos anos deve se reverter em um aumento expressivo de inscrições, em provas cada vez mais desejadas e caprichadas. A Maratona do Rio, por exemplo, passou este ano a São Silvestre em número de inscritos. Foram 40 mil divididos nas quatro provas: 42KM, 21KM, 10KM e 5 KM.

Outro ponto fundamental desse setor é o impacto direto no Turismo e na Saúde. Foram 7. 300 eventos em 2022, com uma média de 480 inscritos. Detalhe, 60% das pessoas eram sedentárias e começaram a se mexer por causa da prova que se inscreveram. E 70% delas viajaram para participar das provas. “Os eventos esportivos, com a participação da população, compõem o  melhor antídoto para frear a obesidade e os gastos do governo com a Saúde, atualmente em R$ 162,9 BI. Eles têm o potencial de criar uma nova realidade possível”, observa Celso.

Há outro dado interessante que comprova o interesse do brasileiro em cuidar do corpo, por meio da atividade física. A 24ª edição da IHRSA Fitness Brasil 2023, maior do segmento fitness, saúde e bem-estar da América Latina, realizada em agosto,  atraiu 22 mil pessoas para conferir os lançamentos de 115 expositores espalhados nos 16 mil m². Estima-se que as empresas participantes tenham gerado mais de R$ 200 milhões em negócios – faturamento 53% maior em relação ao ano passado, um recorde absoluto.
 

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.