25/05/2023 às 13h54min - Atualizada em 27/05/2023 às 00h02min

6 dicas para aumentar a produtividade e o foco nos estudos

Confira mais sobre

SALA DA NOTÍCIA Victor
Pexels

Estudar é uma atividade que exige dedicação, disciplina e concentração. Mas nem sempre é fácil manter o foco e o rendimento nos estudos, especialmente quando há muitos conteúdos para aprender, distrações ao redor ou falta de motivação. Por isso, neste artigo, vamos compartilhar 6 dicas para aumentar a produtividade e o foco nos estudos, que podem ajudar você a alcançar seus objetivos acadêmicos e profissionais.

1. Monte um cronograma de estudos

Uma das melhores formas de organizar sua rotina de estudos é montar um cronograma que defina quais matérias, temas e atividades você vai estudar em cada dia e horário. Assim, você evita perder tempo decidindo por onde começar ou se esquecendo de algum assunto importante. Além disso, um cronograma ajuda a manter a consistência e a disciplina nos estudos, pois você se compromete a seguir o que foi planejado.

Para montar um cronograma eficiente, leve em conta o tempo que você tem disponível para estudar, a quantidade e a dificuldade dos conteúdos e as suas prioridades. Não se esqueça de reservar espaços para revisões e exercícios, que são fundamentais para fixar o aprendizado. Também não exagere na carga horária de estudos, pois isso pode gerar cansaço e frustração. O ideal é estudar com qualidade e não com quantidade.

2. Escolha o espaço adequado

O local onde você estuda também influencia na sua produtividade e no seu foco. Por isso, escolha um espaço que seja confortável, iluminado, ventilado e silencioso. Evite ambientes que tenham muitos objetos, sujeira ou bagunça, pois isso pode gerar distrações ou desconforto. Também evite locais que tenham muitos ruídos ou movimentação de pessoas, pois isso pode atrapalhar sua concentração.

Se possível, tenha um espaço exclusivo para os seus estudos, onde você possa se sentir à vontade e ter tudo o que precisa à mão, como livros, cadernos, canetas, computador etc. Assim, você cria uma rotina e um hábito de estudo que facilitam o seu foco.

3. Use técnicas de estudo

Estudar não é apenas ler ou assistir aulas. É preciso usar técnicas que ajudem a compreender, memorizar e aplicar os conteúdos estudados. Existem diversas técnicas de estudo que podem ser úteis para diferentes tipos de aprendizes e objetivos. Algumas delas são:

  • Resumos: consiste em reescrever os principais pontos do conteúdo com as suas próprias palavras, destacando as ideias centrais e os conceitos-chave.
  • Marca-texto: consiste em usar canetas coloridas para destacar trechos importantes do texto original, facilitando a visualização e a releitura.
  • Mapas mentais: consiste em usar diagramas que representam graficamente as relações entre os conceitos do conteúdo, usando cores, símbolos e palavras-chave.
  • Flashcards: consiste em usar cartões com perguntas de um lado e respostas do outro, para testar o seu conhecimento e reforçar a memorização.
  • Pomodoro: consiste em dividir o tempo de estudo em blocos de 25 minutos, separados por pausas de 5 minutos, para manter o foco e a energia.

Você pode experimentar diferentes técnicas de estudo e ver quais funcionam melhor para você. O importante é não estudar de forma passiva ou superficial, mas sim ativa e profunda.

4. Conte com o auxílio da tecnologia

A tecnologia pode ser uma aliada ou uma vilã nos estudos, dependendo de como você a usa. Se você usa os aparelhos eletrônicos para acessar redes sociais, jogos ou vídeos que não têm relação com o conteúdo estudado, você está desperdiçando tempo e perdendo o foco. Por isso, uma dica é desligar ou silenciar os dispositivos que possam tirar a sua atenção durante o tempo de estudo.

Por outro lado, a tecnologia também pode oferecer recursos que facilitam e melhoram o seu aprendizado. Por exemplo, você pode usar aplicativos para organizar seu cronograma de estudos, para acessar materiais online, para fazer simulados ou exercícios, para assistir a videoaulas ou podcasts, para fazer anotações ou resumos etc. Você também pode usar plataformas de ensino a distância que permitem estudar de forma flexível e personalizada.

5. Faça pausas

Estudar por horas seguidas sem fazer pausas pode ser prejudicial para a sua produtividade e para o seu foco. Isso porque o seu cérebro e o seu corpo precisam de descanso para recuperar a energia e o desempenho. Além disso, as pausas ajudam a consolidar a informação na memória de longo prazo e a evitar o estresse e o esgotamento.

Por isso, é importante fazer intervalos regulares entre os períodos de estudo, que podem variar de acordo com o seu ritmo e a sua necessidade. Uma sugestão é seguir a técnica do Pomodoro, que propõe pausas de 5 minutos a cada 25 minutos de estudo. Outra sugestão é fazer pausas de 10 a 15 minutos a cada hora de estudo.

Nas pausas, procure fazer atividades que relaxem e distraiam a sua mente, como tomar água, comer um lanche saudável, alongar o corpo, respirar fundo, ouvir uma música, conversar com alguém etc. Evite fazer atividades que exijam muito esforço mental ou que possam gerar ansiedade ou frustração.

6. Cuide da sua saúde

A última dica para aumentar a produtividade e o foco nos estudos é cuidar da sua saúde física e mental. Afinal, se você não estiver bem consigo mesmo, dificilmente conseguirá se dedicar aos seus objetivos. Por isso, é essencial ter hábitos saudáveis que contribuam para o seu bem-estar e para o seu equilíbrio.

Alguns desses hábitos são:

  • Dormir bem: ter uma boa noite de sono é fundamental para restaurar as funções cerebrais e corporais, melhorar a memória e a concentração, regular o humor e a disposição etc. O ideal é dormir entre 7 e 8 horas por noite, em um ambiente escuro, silencioso e confortável.
  • Alimentar-se bem: ter uma alimentação balanceada é importante para fornecer os nutrientes necessários para o funcionamento do organismo e do cérebro, prevenir doenças e manter a energia e a imunidade. O ideal é comer alimentos naturais e variados, evitando excessos de açúcar, gordura e sal.
  • Praticar exercícios: fazer atividades físicas regularmente é benéfico para melhorar a circulação sanguínea, fortalecer os músculos e os ossos, liberar endorfinas que causam sensação de prazer e relaxamento, combater o sedentarismo e o estresse etc. O ideal é praticar pelo menos 30 minutos de exercício por dia, de acordo com as suas preferências e possibilidades.
  • Ter lazer: reservar um tempo para se divertir e fazer coisas que você gosta é essencial para aliviar a tensão, aumentar a autoestima, estimular a criatividade, ampliar os horizontes etc. O ideal é ter momentos de lazer todos os dias, seja sozinho ou com outras pessoas. Saiba que você que é estudante, tem direito a meia entrada em atividades de lazer, cultura e arte, basta comprovar que é estudante com a sua carteira de estudante cie e pagar meia no cinema, shows, teatros e muito mais.

Seguindo essas dicas para aumentar a produtividade e o foco nos estudos, você certamente vai conseguir melhorar o seu desempenho e alcançar os seus objetivos acadêmicos e profissionais. Lembre-se de que estudar é um investimento para o seu futuro e que depende principalmente da sua dedicação e do seu esforço. Portanto, não desista dos seus sonhos e siga em frente!


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.