25/05/2023 às 16h05min - Atualizada em 26/05/2023 às 00h00min

“Se Eu Pudesse Mudar O Mundo 3” realiza peça infantil sobre o uso consciente da água

Encruzilhada do Sul e Dom Feliciano (RS) recebem apresentações para ensinar crianças sobre a importância da preservação do meio ambiente da água

SALA DA NOTÍCIA Da redação
Divulgação

O projeto “Se Eu Pudesse Mudar o Mundo 3” chega às cidades de Encruzilhada do Sul e Dom Feliciano (RS) nos dias 31 de maio e 1 de junho. A iniciativa vai realizar seis apresentações da peça teatral infantil “Planeta Água” na Associação dos Servidores Municipais de Encruzilhada do Sul (ASMES) e na Câmara Municipal Dom Feliciano. Os horários das apresentações estão listados abaixo. A peça é gratuita e aberta ao público.

 

Para aproximar crianças sobre o assunto da preservação do meio ambiente e do uso consciente da água, a peça “Planeta Água" conta a história de Pinguinho que, em seu primeiro dia de férias, ao acordar e ir escovar os dentes ele tem uma surpresa: não havia água. No café da manhã, ele pede leite com chocolate para sua mãe, mas mais uma surpresa o encontra, sua mãe diz que as vacas estão magrinhas demais pela falta de água e não estavam produzindo leite.

 

Naquele momento, ele começa a se preocupar e corre para seus amigos Julinha e Murilo, juntos eles correm para descobrir o motivo da catástrofe e descobrem que todos podem ajudar na preservação do meio ambiente e da água.

 

Segundo dados do MapBiomas Brasil, o Brasil abriga cerca de 12% das reservas de água doce do mundo e 53% dos recursos hídricos da América Latina, mas perdeu cerca de 3,1 milhões de hectares de superfície de água nos últimos 30 anos.

 

Viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura, “Se Eu Pudesse Mudar o Mundo 3” é uma realização do Ministério da Cultura com produção da 3S Produções, apoio da Komedi, e patrocínio da CMPC.

 

Sobre a CMPC: A CMPC Brasil tem sua unidade industrial localizada em Guaíba, no Rio Grande do Sul, faz parte do grupo chileno CMPC e produz, por ano, cerca de 2 milhões de toneladas de celulose – matéria-prima biodegradável utilizada na fabricação de produtos de higiene pessoal (tissue), de embalagens e de vários outros itens presentes no cotidiano das pessoas. Maior indústria do estado, conforme o índice VPG (Valor Ponderado de Grandeza), a companhia é responsável pela criação de 45 mil empregos diretos, indiretos e induzidos na economia gaúcha, com 6,6 mil profissionais atuando em suas operações industriais, florestais e portuárias. Presente no Brasil desde 2009, a empresa é uma representante da bioeconomia e tem suas operações baseadas no conceito da economia circular, transformando 100% resíduos sólidos do processo industrial em 13 novos produtos, desde matéria-prima para produção de cimento e painéis de madeira até corretivo de pH do solo e fertilizantes orgânicos. O grupo CMPC completou 100 anos de atuação no mundo em 2020 e conta atualmente com mais de 20 mil colaboradores em 48 unidades industriais de oito países da América Latina. Outras informações estão no site Link .

 

Sobre o Ministério: A principal ferramenta de fomento à Cultura do Brasil, a Lei de Incentivo à Cultura contribui para que milhares de projetos culturais aconteçam, todos os anos, em todas as regiões do país. Por meio dela, empresas e pessoas físicas podem patrocinar espetáculos – exposições, shows, livros, museus, galerias e várias outras formas de expressão cultural – e abater o valor total ou parcial do apoio do Imposto de Renda. A Lei também contribui para ampliar o acesso dos cidadãos à Cultura, já que os projetos patrocinados são obrigados a oferecer uma contrapartida social, ou seja, eles têm que distribuir parte dos ingressos gratuitamente e promover ações de formação e capacitação junto às comunidades. Criado em 1991 pela Lei 8.313, o mecanismo do incentivo à cultura é um dos pilares do Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac), que também conta com o Fundo Nacional de Cultura (FNC) e os Fundos de Investimento Cultural e Artístico (Ficarts). Essas ações são patrocinadas pela CMPC. Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cultura.

 

Serviço:

 

“Se Eu Pudesse Mudar o Mundo 3” em Encruzilhada do Sul e Dom Feliciano - RS
Datas, horários e locais:

31/05 - 09h30, 13h30 e 15h30

Associação dos Servidores Municipais de Encruzilhada do Sul (ASMES)

Rua Bento Gonçalves, 1086 - Centro, Encruzilhada do Sul - RS

 

01/06 - 09h00, 13h30 e 15h00

Câmara Municipal de Dom Feliciano

Rua Vespasiano Corrêa, 552 - Dom Feliciano - RS


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.