24/05/2023 às 18h01min - Atualizada em 25/05/2023 às 00h01min

Irmãos Leonardo e Leandro Castelo criam rede de R$ 1 bilhão e projetam ser o maior grupo de franquias do mundo até 2028

O objetivo da 300 Franchising Group é ultrapassar as 80 mil unidades da 7Eleven, hoje a maior operadora de franquias do planeta.

SALA DA NOTÍCIA Ana Paula Marçal
www.300franchising.com.br
Divulgação
O magnata norte-americano da área de seguros William Clement Stone, que morreu aos 100 anos em 2002, disse uma vez: “Definir um objetivo é o ponto de partida de toda a realização”. E ele soube fazer isso, pois transformou US$ 100 em um patrimônio de US$ 2 bilhões. E é esse pensamento que motiva todos os dias os empresários e irmãos, Leonardo e Leandro Castelo, que transformaram um negócio que começou em uma Kombi velha, na maior rede de franquias de produtos de limpeza do país, a Ecoville. Na sequência, veio a criação da 300 Group, um ecossistema de alto impacto na área de franchising, que se destaca no Brasil e na América do Sul com mais de oito mil unidades e 90 marcas sócias.
O Grupo está avaliado em R$ 1 bilhão e tem um faturamento sellout (venda B&C) de R$ 5 bilhões.
Mas, sua meta é muito mais ambiciosa. A diretoria trabalha para a 300 ser a maior operadora de franquias do mundo até 2028, ultrapassando a 7Eleven, que ocupa esse posto hoje, com mais de 80 mil unidades espalhadas por 19 países, segundo dados da própria empresa ( https://corp.7-eleven.com/corp/our-brand-story).
“Temos cinco anos para atingir esse número, e estamos trabalhando com metas reais e factíveis. Estimulamos nossa equipe todos os dias, acompanhamos a gestão dos nossos sócios e, acima de tudo, acreditamos que o setor de franquias é o melhor negócio para o empreendedor”, avalia Leonardo Castelo.
Atento aos movimentos do mercado, tanto no Brasil, quanto no exterior, a 300 Group atende todas as necessidades do empreendedor, seja ele sócio ou não do Grupo. Com verticais nas áreas de educação, consultoria, gestão e aceleração, a holding atua desde a formatação da empresa, passando pela educação/preparação do empreendedor, até a escalonagem da marca no mercado.
E para toda essa máquina funcionar, o Grupo conta com 34 mil colaboradores, entre diretos e indiretos. Além de um aporte mensal de R$ 2 milhões no marketing digital.
 
A ESTRATÉGIA PARA CRESCER
 Mas como crescer de forma escalonada em tão pouco tempo? A estratégia é fazer aquisições ou fusões com empresas com alto potencial de crescimento de mercado. No fim das contas, isso acaba sendo até mais importante do que o valor atual do negócio, como explica o presidente da 300.  “Muitas vezes a empresa ainda é pequena e com uma operação tímida, mas com um super potencial. Nós investimos nessa empresa, na sua ideia, nos associamos a ela, e vamos com tudo para o mercado”, explica Leandro Castelo.
Mensalmente mais de 50 marcas buscam a 300 com o interesse de serem aceleradas. Isso, totaliza 600 contatos durante um ano. Mas, nem todas são aprovadas. Conforme explica Leonardo, existe todo um processo para conhecer o negócio antes da admissão. “Os empresários são convidados a participarem do Método 300, que é uma imersão sobre o crescimento e gestão exponencial. Depois participam do conselho de marca, com oito conselheiros da empresa, que aprovam ou não a entrada da empresa no ecossistema. Quando aprovada, a 300 Franchising se associa à marca e dá início a todo o processo de scale-up”, explica o presidente. Em 2022, a 300 se associou a 25 empresas dos mais variados segmentos.
“Somos bem agressivos no mercado. Mostramos nossos resultados positivos e isso atrai cada vez mais marcas interessadas em trabalhar com a 300. Por isso, temos como meta abrir mais de 12 mil unidades em todo Brasil até o final de 2023, um número que é realizável”, finaliza Leonardo Castelo.  
Esse crescimento já está ultrapassando as fronteiras internacionais. A empresa acaba de fechar uma sociedade com a marca panamenha Boco Pollo, que atua no foodservice. Com esse negócio, a empresa tem como expectativa abrir 12 unidades no Brasil até o final de 2023.  
 “Essa é a primeira aceleração de uma marca do exterior, feita pela 300 Group, e temos certeza que muitas outras virão ainda este ano”, garante o presidente do Grupo.
 
Sobre a 300 Franchising
Em 2007, no centro de São Paulo, a família Castelo viu algo que mudaria suas vidas: uma kombi vendendo produtos de limpeza de porta em porta. Aquele negócio motivou os irmãos Leandro e Leonardo Castelo a largarem seus trabalhos empregos CLT para investir na ideia. Com toda a ousadia, decidiram sair de São Paulo e tentar a sorte no Sul do país. A cidade escolhida foi Joinville, em Santa Catarina. E assim começou a trajetória dessa família, que produzia os produtos de limpeza à noite, para vender durante o dia.
“Dormíamos no galpão, passamos necessidade, mas nunca desistimos do nosso sonho”, frisa Leonardo.
Depois de dois anos de muita luta, a família abriu sua primeira unidade. E assim, nasceu a Ecoville, hoje, uma das principais marcas de produtos de limpeza do Brasil, com mais de 300 unidades.
O crescimento exponencial da empresa e a forma como os irmãos conseguiram criar uma franquia de sucesso, chamou a atenção do setor, fazendo com que muitas empresas quisessem os conselhos dos empresários. Isso startou nos irmãos uma nova ideia de negócio, a 300 Franchising, criada em 2016 para acelerar marcas já estabelecidas, mas que queriam expandir os negócios de forma rápida e sustentável.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.