27/06/2023 às 10h35min - Atualizada em 29/06/2023 às 00h01min

Legais ou indocumentados tem que saber como funciona o sistema de Imigração nos Estados Unidos.

Quando uma pessoa obtém um visto de imigrante e vai para os Estados Unidos, torna-se um residente permanente legal (LPR).

SALA DA NOTÍCIA Samantha di Khali Comunica
Divulgação
A lei de imigração dos EUA baseia-se nos seguintes princípios: reunificação das famílias, admissão de imigrantes com competências valiosas para a economia dos EUA, proteção dos refugiados e promoção da diversidade. Esta descrição reflete informações básicas sobre a forma como o sistema de imigração legal dos EUA foi concebido e funciona. O conjunto de leis que rege a política de imigração dos EUA é designado por Lei da Imigração e Nacionalidade (INA). O INA permite que os Estados Unidos concedam até 675.000 vistos de imigrante permanente por ano em várias categorias de vistos. Para além desses 675.000 vistos, o INA não estabelece limites à admissão anual de cônjuges, pais e filhos de cidadãos americanos com menos de 21 anos. Além disso, todos os anos o presidente deve consultar o Congresso e estabelecer um número anual de refugiados a serem admitidos nos Estados Unidos através do Programa de Admissão de Refugiados dos EUA.
Quando uma pessoa obtém um visto de imigrante e vai para os Estados Unidos, torna-se um residente permanente legal (LPR). Em algumas circunstâncias, os não-cidadãos que já se encontram nos Estados Unidos podem obter a residência legal através de um processo conhecido como "ajuste de status".
Todos os anos, os Estados Unidos também admitem uma variedade de imigrantes temporários, como é o caso de turistas, estudantes e trabalhadores temporários autorizados a permanecer no país.
Porém, os imigrantes indocumentados, que permanecem no país, carregam a esperança de um caminho de legalização através de mudanças na lei imigratória, tão prometida ou discutida por diversos presidentes. Como exemplo do que está acontecendo na Flórida, onde pelo contrário, o governador assinou uma lei anti-imigratória, muitos imigrantes estão em desalento, sem saber ao certo o que fazer. O Migration Policy Institute, um think tank com sede em Washington D.C, estima em 772 mil o número de imigrantes sem documentação que vivem na Flórida.
Os caminhos que levam ao tão sonhado Green Card são bem variados. Para a advogada especializada em imigração, Ingrid Domingues McConville, para quem está querendo morar nos Estados Unidos e não possui nenhum parentesco com um americano, a grande oportunidade está no visto de trabalho. Quem tem qualificações de valor para os Estados Unidos, certamente está um passo adiante de conseguir imigrar. Estas qualificações incluem especializações, formação universitária, experiência comprovada e poder de investimento.
No conteúdo da carta de boas-vindas ao novo residente ao Estados Unidos observamos bem o respeito aos imigrantes pelo país que diz “Os Estados Unidos valorizam as contribuições dos imigrantes, que continuam a enriquecer este país e preservar o legado de ser a terra da liberdade e da oportunidade. Como residente permanente dos Estados Unidos, você decidiu fazer deste país o seu lar... Ao iniciar sua vida como residente desta grande nação, muitas oportunidades o aguardam. Bem-vindo aos Estados Unidos!”
Quer ter mais informações entre no   https://instagram.com/dmvisalaw?igshid=YmMyMTA2M2Y=
 * Ingrid Domingues-McConville fundou a DM VISA LAW - Domingues McConville, P.A. em 1995.  É membro da Ordem dos Advogados da Flórida desde 1995 e membro do Tribunal Distrital dos Estados Unidos, Distrito Sul da Flórida.  Ingrid obteve seu diploma de graduação em Psicologia pela Universidade de Miami em Coral Gables, Flórida e seu diploma de Direito pela Cleveland-Marshall College of Law em Cleveland, Ohio. Com 28 anos de experiência em Direito de Imigração, Ingrid representou clientes em todo os Estados Unidos e no mundo, tanto em questões de imigração empresarial quanto familiar.  Ajudou empresas e indivíduos a obterem vistos e residência permanente nos Estados Unidos. Ingrid desempenha um papel de liderança significativo na comunidade brasileira no sul da Flórida e em todos os Estados Unidos, fornecendo orientação e aconselhamento jurídicos muito necessários.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.