20/06/2023 às 13h26min - Atualizada em 21/06/2023 às 00h02min

Abre hoje 20/06 o 9º Santos Film Fest

Com o tema “Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima”, Festival de Cinema de Santos terá programação gratuita em mais de 10 espaços do município de 20 a 28 de junho. Homenageados são os atores Paulo Miklos e Tamirys O’Hanna.

SALA DA NOTÍCIA Alisson Schafascheck
9º Santos Film Fest – Festival de Cinema de Santos, realizado pelo Instituto Cinezen Cultural, dos produtores culturais André e Paula Azenha, acontecerá de maneira presencial de 20 a 28 de junho de 2023 em espaços como Cine Roxy 5, Sesc Santos (no auditório e na área de convivência), Cine Arte Posto 4, Unisantos, Praça do BNH, Lagoa da Saudade (Morro da Nova Cintra), UME Judoca Ricardo Sampaio (Caruara, área continental), Vila Criativa da Vila Progresso, Novotel, Cinemateca de Santos, UME Lourdes Ortis, Shopping Pátio Iporanga, Open House Idiomas. Toda a programação é gratuita - é preciso consultar programação para saber quais atividades precisam de inscrição ou retirada de ingresso antecipada).
O tema desta edição é “Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima!”, retirada do clássico samba Volta por Cima, de 1962, de Noite Ilustrada e cujos versos se encaixam no momento de reconstrução do país após anos de negação e desmonte das ciências, da cultura, da educação e da história do Brasil. A programação completa está disponível no site.

Homenagens e cerimônia de abertura
A noite de abertura tem início às 19h na área externa do Cine Roxy 5 (Av. Ana Costa, 443, Gonzaga), com lançamentos de livros (inclusive relançamento do pocket book Rubens Ewald Filho: Vida de Cinema!, autobiografia do crítico de cinema), entrevistas de artistas e exposição 25x50: De Regan a Josué, que reunirá cartazes feitos por artistas e designers de várias partes do Brasil, que mesclam em suas artes elementos de O Exorcista e Central do Brasil, que respectivamente completam 50 e 25 anos de seus lançamentos. A curadoria desta exposição é da designer gráfico e homenageada do festival em 2022, Márcia Okida.
Às 20h, tem início a cerimônia dentro da sala 5, quando Toninho Campos, do Cine Roxy, receberá a medalha Brás Cubas por sua contribuição à cultura santista, Paulo e Tamirys serão homenageados, o Coral Municipal de Santos (com regência de Nailse Machado, regência adjunta de Fernando Pompeu, com 40 cantores e o pianista Bruno Felix), fará um pocket show de 40 minutos celebrando os 100 anos da Disney e o compositor italiano Enio Morricone. Haverá participação do Quarteto Martins Fontes na apresentação. Depois da parte musical, será exibido o longa-metragem O Homem Cordial. Para a programação dentro da sala será preciso retirar o ingresso gratuito a partir das 18h ao lado do Cine Café do Roxy.  

Mostras competitivas, Humanidades e retrospectivas
As mostras competitivas são divididas entre: mostra de longas nacionais, mostra de curtas de ficção nacionais, mostra de curtas de documentários nacionais, mostra de curtas de animação nacionais, mostra regional de curtas-metragens, Mostra Humanidades e a Mostra de Terror.
As mostras nacionais de longas e curtas de ficção e documentário acontecerão no auditório do Sesc Santos. Serão cerca de dez longas e dez curtas de várias partes do Brasil que dão um panorama do cinema brasileiro contemporâneo e traz temas diversos como representatividade negra, indígena, LGBTQIAP+, cidadania, em tramas de gêneros que vão da ficção ao documentário. Os melhores filmes e diretores receberão o prêmio do júri e premiação de voto popular. As sessões acontecem no auditório do Sesc Santos entre 21 e 25 de junho, de quarta a domingo, sendo que durante a semana as exibições são às 17h30 e às 19h30 e, no fim de semana, às 15h e 17h. Será preciso retirar o ingresso gratuito disponibilizado uma hora antes do horário de cada sessão.
A Mostra Humanidades, que tem filmes brasileiros e estrangeiros (França, Marrocos, Líbano etc.), acontece no Cine Arte Posto 4, entre 22 e 28 de junho, com sessões às 16h, 18h30 e 21h. No Cine Arte também acontecerá a reprise da mostra regional e exibições comemorativas de Operação Dragão, Central do Brasil e O Exorcista.
A Mostra Regional ocorre no Cine Roxy 5, em 26 de junho, na sessão de 21h20. Os curtas selecionados serão exibidos após a sessão hors concours do curta Fã Número 1, de Élder Fraga.
A Mostra de Curtas de Animação se espalhará pelas sessões infantis em Caruara, morros, Praças e escolas. Já a Mostra de Terror acontecerá na Cinemateca de Santos.
O júri da mostra competitiva nacional foi formado pelos cineastas Andrea Pasquini e Diego da Costa e o professor doutor Jamer Guterrez de Mello. O júri das mostras regional e de animação reuniu a atriz Tamirys O’hanna, a designer gráfico Márcia Okida e o professor e coordenador do curso de cinema da Unisantos, Wanderley Camargo. Já a mostra de terror teve como jurados os professores Rogério Ferraraz, Leandro Cesar Caraça e a atriz Ondina Clais.

Palestras e bate-papos
No dia 21 de junho acontecerá uma maratona de palestras e bate-papos no Novotel: painel às 10h com os homenageados Paulo Miklos e Tamirys O’Hanna, os jurados do festival que falarão sobre tendências do cinema nacional, palestra sobre os 50 anos de O Exorcista com a Prof. Dra. Laura Loguercio Cânepa (coordenadora do PPGCOM da Universidade Anhembi Morumbi). Ainda no dia 21, a atriz Ondina Clais ministra workshop de atuação na Unisantos. Para as atividades no Novotel e na Unisantos é preciso fazer inscrição previamente pelo site.
No domingo, 25 de junho, 11h, no Sesc Santos, acontece o painel O Momento da Crítica de Cinema no Mundo dos Streamings, com os críticos Roberto Sadovski (UOL) e Miguel Barbieri Jr (décadas como crítico da Veja São Paulo).

Sessões infantis e inclusivas
Com o objetivo de promover o cinema como ferramenta de inclusão, educação e transformação, serão realizadas sessões de cinema azul, para PcD - é a sigla para o termo 'Pessoa com Deficiência', que se refere a quem tenha impedimentos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial que impeça sua participação na sociedade em situação de igualdade com outros indivíduos. A sessão de cinema azul tem características como som mais baixo, temperatura ambiente, espaçamento entre o público etc. Essas sessões são realizadas em parceria com o Grupo Inclusão Para Todos, no Cine Roxy.
Já as exibições infantis, acontecerão em espaços como a Praça do BNH (em uma tenda, dias 23 e 24 de junho), Lagoa da Saudade no Morro da Nova Cintra (22 de junho), Vila Progresso (23 de junho), Escola Lourdes Ortiz (26 de junho) e Escola Municipal Judoca Ricardo Sampaio (Caruara, área continental, 22 de junho). Assim, o festival contempla todas as regiões de Santos: zonas leste, noroeste, morros e área continental.

Pré-estreias
O festival se propõe a realizar pré-estreias exclusivas e estimular a produção de longas-metragens na região. Na segunda-feira, 26 de junho, 19h, no Cine Roxy, acontecerá a avant-première de Sociedade Armada - 400% da História. A Sociedade Armada é uma das mais importantes bandas de hardcore do Brasil, com uma trajetória de mais de 30 anos na cena punk e underground. O documentário foi realizado de forma independente, pelo Estúdio Chromakey, com direção de Eric Garcez e Rodiney Assunção (que também dirigiu, os documentários Os Portais do Inferno Se Abrem: A História do Vulcão, Califórnia Brasileira e SEXCORE a História do Carnal Desire), como sempre, sem nenhum financiamento externo. “Acreditamos que este documentário será um importante registro histórico da cena punk e hardcore brasileira, além de ser um tributo merecido a uma das bandas mais importantes e influentes do país”, ressalta Rodiney.
O longa-metragem será precedido pela exibição do documentário em curta-metragem Teto, pão e memória. A memória é o lugar onde guardamos as nossas histórias, as nossas lutas, os nossos sonhos e até as nossas ilusões e desesperos. Teto é um abrigo, uma morada, um lugar para descansar a cabeça e o corpo das labutas diárias. O pão é o alimento para sustentar o corpo e a alma. Esses três elementos são básicos e fundamentais para o ser humano viver com dignidade.  O documentário trata desses pontos por meio de histórias de vidas de pessoas que vivem em comunidades de “avanço” na Zona Noroeste de Santos. Para além, trata do direito à vida, traduzida em direito essenciais. O videodocumentário é resultado das Oficinas de Introdução à Linguagem Audiovisual desenvolvidas pelo Projeto Go Alemoa Go, em 2022, no bairro Vila Alemoa, em Santos.
Ainda em 26 de junho, 21h20, acontece sessão hors concours do curta-metragem Fã Número 1, de Elder Fraga, premiado e experiente diretor que já participou do festival em diversas ocasiões, lançando suas obras, que depois ganharam o mundo percorrendo festivais e recebendo diversos prêmios. Dois cunhados se reencontram depois de 3 anos do assassinato daquela que era o elo entre eles, a atriz Nataly.Nesse encontro eles discutem vingança, justiça, perdão e Shakespeare. O elenco conta com Ricardo Gelli, Rogério Brito, Niz Souza e Adriano Merlini.

Feira de mídia física
Dentro da sua proposta de preservação da memória cinematográfica, o Santos Film Fest - Festival de Cinema de Santos recebe o Bazar da Sétima Arte (b7arte), feira de mídia física de filmes, no domingo, 25 de junho, na área de convivência do Sesc Santos, das 10h às 17h.  Com edições realizadas com sucesso em São Paulo, o projeto realiza sua primeira edição no litoral. Busca valorizar e divulgar o formato físico (Vhs, dvd, blu-ray e 4k) de filmes, acreditando na cultura colecionista e de preservação do cinema. O evento ocorreu duas vezes no Cine Petra Belas Artes na região Central da capital de São Paulo, e desembarca agora no Sesc Santos em meio ao tradicional festival de cinema da região. Acontecerá o debate Porque colecionar filmes em mídia física em 2023?. Neste debate, William Tavares (Jornalista-ESPN) e Celso Menezes (Produtor Cultural/Escritor), dialogam sobre a importância da mídia física em meio à era do streaming. Mediação de William Busa idealizador do b7arte.

Virada cinematográfica
Como é tradição, acontecerá a Virada Cinematográfica na Cinemateca de Santos, na madrugada do dia 23 de junho para o dia 24 de junho, a partir das 23h30. Serão exibidos três longas nacionais de terror e, ao término, servido um café da manhã gratuitamente, cortesia da Padaria Nova Princesa.

Palestra e cerimônia de encerramento
O encerramento do festival contará com palestra do crítico de cinema Waldemar Lopes sobre a importância do filme Central do Brasil, na Open House Idiomas, 28 de junho, 19h, e o anúncio, no local, 20h30, dos premiados desta edição. Além disso, quem for poderá conferir uma mostra permanente de pinturas que retratam grandes artistas e cenas da história do cinema, do próprio Waldemar, que é artista plástico com participação em dezenas de exposições no Brasil e no exterior.

Identidade visual
 A identidade visual desta edição foi feita pela designer gráfico Márcia Okida. O logotipo do festival é assinado por Audrey Duarte. Para a identidade visual deste ano Márcia se inspirou em Saul Bass, designer favorito de grandes diretores como Stanley Kubrick e Alfred Hitchcock. “Ele foi responsável pela maioria dos cartazes do Hitchcock, como Psicose, e tantos outros. Cartazes e aberturas. Tem estilo minimalista, conceitual, geométrico”, detalha Okida. As cores reúnem elementos do Brasil, do sangue relativo aos filmes de terror da mostra, e as setas indicam movimento, pessoas que estão indo a algum lugar, como os personagens de Central do Brasil.

O 9º Santos Film Fest – Festival de Cinema de Santos é realizado pelo Instituto Cinezen Cultural, com direção de André e Paula Azenha, tem apoios institucionais da Secretaria Municipal de Cultura de Santos, Câmara Municipal de Santos (por meio de emendas parlamentares de vereadores), e Unisantos, apoios culturais de Shopping Pátio Iporanga e Cine Roxy, apoios de Novotel, Cantina Di Lucca, Restaurante Beduíno, Gardênia Flores, Padaria Nova Princesa, Grupo Inclusão Para Todos, Open House Idiomas, Dym Art Studio, Histórias do Cinema e da TV. Festa Encantada Eventos, ASA: Academia Santista de Arte e Cinemateca de Santos.

Link para arquivo com a programação completa: https://bit.ly/3J30kui
Link para imagens: https://bit.ly/3MVnggf 

Vídeo com resumos das edições anteriores:
2016 - https://youtu.be/X62ku_fYHnY
2017 https://www.youtube.com/watch?v=gPcfpRonyMA&t=21s
2018 https://www.youtube.com/watch?v=AvaYb0BfzDU
2019 https://www.youtube.com/watch?v=Hx42YrBfEZE&t=24s
2020 https://www.youtube.com/watch?v=XCSVMfpJnGA&t=16s
2021 - 1 https://www.youtube.com/watch?v=Ba8AkVPKxao&t=6s
2021 - 2  https://www.youtube.com/watch?v=tKbtsZPU7J4&t=39s

Ebook com histórico do festival: https://drive.google.com/file/d/1B5SSZaUfAatl9dJI7TRaG7EqzgHS091w/view?usp=sharing 

Outras informações:
www.santosfilmfest.com
www.facebook.com/santosfilmfest
www.instagram.com/santosfilmfest
www.youtube.com/santosfilmfest

SERVIÇO
9º SANTOS FILM FEST
De 20 a 28 de junho de 2023
Santos, SP
Locais:
- Cine Roxy 5: Av. Dona Ana Costa, 443, Gonzaga
- Cine Arte Posto 4: Av. Vicente de Carvalho, orla da praia, Gonzaga, próximo ao Canal 3
- Cinemateca de Santos: Rua Ministro Xavier de Toledo, 42, Campo Grande
- Novotel: Av. Dona Ana Costa, 473, Gonzaga
- Sesc Santos: Rua Conselheiro Ribas, 136, Aparecida
- UME Judoca Ricardo Sampaio: Av. Xavante, 70 – Caruara
- UME Lourdes Ortiz: R. Ricardo Pinto, 129, Aparecida
- Praça do BNH: Rua Alexandre Martins, atrás do shopping, Aparecida
- Vila Criativa da Vila Progresso: R. 3, s/n - Vila Progresso
- UniSantos: Av. Conselheiro Nébias, 296/300, Vila Matias
- Shopping Pátio Iporanga: Av. Dona Ana Costa, 465, Gonzaga
- Lagoa da Saudade: Morro da Nova Cintra
- Open House Idiomas: Rua Clay Presgrave do Amaral, 15, Gonzaga


Informações para imprensa:
Logotipo, nome da empresa    Descrição gerada automaticamente

Logotipo, nome da empresa Descrição gerada automaticamente


Alisson Schafaschek – [email protected] | 47 99250-4678
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.