15/06/2023 às 11h05min - Atualizada em 18/06/2023 às 00h01min

Phibro Saúde Animal apresenta trabalhos científicos na Reunião Anual da Associação Americana dos Patologistas Aviários

Evento aconteceu entre os dias 11 e 14 de junho, em Jacksonville, na Flórida (Estados Unidos)

SALA DA NOTÍCIA Fernanda de Souza Martins
A Phibro Saúde Animal apresentou três trabalhos técnicos científicos produzidos no Brasil durante a Reunião Anual da Associação Americana dos Patologistas Aviários (AAAP, na sigla em inglês), que aconteceu entre os dias 11 e 14 de junho, em Jacksonville, na Flórida (Estados Unidos). "Esse é um dos eventos técnicos na área de sanidade avícola mais respeitados do mundo. A Phibro se orgulha de ter trabalhos aprovados apresentados nesse evento, de promover a ciência e melhorar de forma sustentável a sanidade dos plantéis avícolas", explica Patrícia Tironi Rocha, gerente técnica de avicultura da Phibro Saúde Animal.
Os trabalhos aprovados apresentados em poster e oral são: “Desempenho e escore de lesão de coccidiose em frangos de corte alimentados com associação de nicarbazina +ionóforo até 21 dias seguidos por diferentes classes de ionóforos nas fases de crescimento e final, na presença de desafio com cepa de campo de coccídeas. produzido por Patrícia, que é médica-veterinária e mestre em ciência animal pela Universidade Federal de Goiás (UFG); “Infecção Precoce por cepas do Vírus da Doença Infecciosa da Bolsa pertencentes ao Genogrupo 4 em lotes comerciais de frangos de corte no Brasil” e “Comparação de lesões de bursa em lotes comerciais de frangos de corte infectados por três diferentes cepas do vírus da doença de Gumboro”, ambos tendo como autor José Emílio Dias, médico-veterinário, mestrando em Produção sustentável e Sanidade de Aves e Suínos pelo Instituto Federal Catarinense (IFC).
Gerente de contas-chave de monogástricos da Phibro, Dias relata: "Nos dedicamos muito a esses estudos, ter a aprovação e apresentá-los em um evento tão importante para o setor mostra como estamos no caminho certo. Vamos continuar com nossas pesquisas afim de sempre oferecer ciência aplicada para a sanidade avícola.” Além dos trabalhos do time da Phibro no Brasil, também foram apresentados mais dez trabalhos produzidos por outros integrantes da Phibro de outros países e aprovados para apresentação oral e poster na agenda do evento.
A coccidiose, abordada no trabalho de Patrícia, gera prejuízos de 13 bilhões de dólares por ano para a avicultura global, segundo levantamentos internacionais atualizados. Ionóforos, como a semduramicina, ingrediente ativo do Aviax 5%, bem como sua associação com com nicarbazina – Aviax Plus – têm apresentado excelentes resultados a campo para o controle da doença, impedindo que os parasitas causadores da coccidiose prejudiquem a digestão e o aproveitamento de alimentos, problemas que causam até mesmo a morte das aves comerciais.
A Doença de Gumboro, tratada nas pesquisas de José Emílio Dias, é uma enfermidade que acomete um órgão linfoide primário das aves – a Bursa de Fabricius – e compromete a produção de anticorpos, o que facilita o desenvolvimento de outras doenças. A utilização de MB-1, única vacina de vírus livre e dose única para uso em incubatório promove imunidade precoce nas aves.
Sobre a Phibro Saúde Animal  
A Phibro Saúde Animal é uma das mais importantes indústrias veterinárias e de nutrição animal do mundo. Criada em 1916, nos Estados Unidos, está presente no Brasil há 25 anos, oferecendo produtos para suínos, aves, bovinos de corte e de leite, peixes e camarões, além de oferecer soluções para a produção de fontes energéticas renováveis. A empresa é uma das pioneiras no agronegócio a divulgar relatório completo de ações sobre responsabilidade ambiental, social e de governança (ESG, na sigla em inglês), dando transparência à sua atuação nesse campo em nível global. Para mais informações, acesse: www.pahc.com/brasil
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.