20/05/2024 às 16h13min - Atualizada em 21/05/2024 às 00h00min

conheça 6 tendências que irão revolucionar o marketplace

DEUSARINA SANTANA
Juntos Somos Mais

*por Luanda Muniz 

Os shopping centers modernos (ou “malls”, como dizem os americanos) já não são mais os mesmos de antigamente. Desde que o histórico centro comercial foi aberto na cidade de Luleå, na Suécia, no ano de 1955, muita coisa mudou até chegarmos aos modelos de vendas e de entretenimento dos dias de hoje.  

Da mesma forma, os marketplaces, ou shoppings centers virtuais, que nasceram na década de 90 om marcas pioneiras, como Amazon e eBay, passaram por grandes transformações. Assim como acontece com seu equivalente no mundo físico, esses espaços de compras digitais se tornam, cada vez mais, ambientes voltados para experiências envolventes e memoráveis para os consumidores.  

Em um mercado cada vez mais dinâmico e competitivo, os marketplaces buscam constantemente maneiras de se destacar e cativar as novas gerações de consumidores. Dessa forma, conceitos inovadores, como shoppertainment e retailtainment, transformam simples transações comerciais em experiências marcantes. Por meio da combinação de entretenimento com compras, os shoppings virtuais estão redefinindo a forma como os consumidores interagem com as lojas, criando laços emocionais mais profundos e duradouros.  

No centro desse movimento evolutivo está a necessidade de adaptação e inovação. Mais do que nunca, as empresas precisam estar atentas às demandas dos clientes e às novas formas de atraí-los e satisfazê-los. Nesse sentido, a experiência não é apenas um diferencial, mas um imperativo estratégico. Em um mercado saturado de opções, é notório que muitos procuram, para além de produtos e serviços, o desejo é por experiências personalizadas que atendam às suas necessidades e realizem desejos.  

De olho nessas mudanças em curso, listo abaixo algumas das tendências que, na minha visão, estão redefinindo as estratégias comerciais de gigantes do marketplace nacional e internacional, e que podem ajudar sua marca a se posicionar de forma mais competitiva dentro desses shoppings virtuais ou, no caso de marketplaces B2B, podem tornar sua experiência de compra mais eficiente e envolvente:  

 

Imersão através de Realidade Virtual (RV) e Aumentada (RA) 
A incorporação de tecnologias de Realidade Virtual e Aumentada proporciona aos usuários do e-commerce maior imersão e interação. Com essa abordagem, os consumidores podem visualizar os produtos que pretendem adquirir sem sequer sair do lugar. Essa tendência está superando aquela que, atualmente, é uma das maiores barreiras para compras realizadas no ambiente online, sobretudo no setor de moda. Dessa forma, em um futuro breve, não será mais necessário sair de casa para provar uma roupa ou calçar um sapato.  

 

Recomendações personalizadas impulsionadas por Inteligência Artificial (IA) 
Desde que o ChatGPT veio à tona, a Inteligência Artificial virou febre. Não é diferente no mundo dos marketplaces. A evolução nos algoritmos de IA aprimora a análise de dados relacionados ao comportamento do usuário, histórico de compras e preferências individuais, resultando em modelos de recomendação de produtos mais eficientes e personalizados. Tudo isso traz mais satisfação na experiência de compra dos usuários. 

 

Retailtainment & shoppertainment  
De modo geral, os dois conceitos envolvem a implementação de recursos que tornam a transação comercial uma verdadeira experiência de entretenimento, criando conexões emocionais entre consumidores e marcas. Além de abarcar as duas tendências acima listadas, envolvem, também, o uso de vídeos interativos, a realização de eventos online para lançamentos de produtos e sessões de perguntas e respostas com especialistas, além da aplicação de elementos de gamificação e da implementação de programas de recompensas, com distribuição de pontos para troca por produtos, serviços e vivências culturais.  

 

Experiências omnicanais Integradas 
A integração sincronizada entre canais online e offline proporciona aos consumidores uma maior flexibilidade na hora de comprar, devolver e interagir com os marketplaces, independentemente do canal escolhido para a realização da compra. Essa é outra das grandes barreiras que está sendo superada no setor em favor de uma experiência híbrida sem maiores atritos. 

 

Integração de dispositivos inteligentes e Internet das Coisas (IoT) 
A conectividade entre marketplaces e dispositivos inteligentes deverá se tornar cada vez mais comum, permitindo que os consumidores realizem compras diretamente de seus dispositivos IoT, como geladeiras inteligentes e assistentes virtuais. A comunicação entre esses dispositivos e os marketplaces torna a experiência de compra ainda mais fluída e conveniente.  
 

Compromisso com regeneração e responsabilidade social 
O despertar para questões socioambientais está mudando os marketplaces. Os consumidores, cada vez mais conscientes, dão preferência para lojas virtuais comprometidas com práticas regenerativas e que apresentem responsabilidade social. A transparência nas cadeias de suprimentos, a oferta de produtos sustentáveis e a incorporação de iniciativas sociais são diferenciais cada vez mais significativos aos olhos da clientela. Dessa forma, os marketplaces estão dando maior visibilidade para marcas responsáveis e produtos ecológicos em suas vitrines digitais. 

*Luanda Muniz é Head de Produtos da Juntos Somos Mais, empresa de tecnologia que mantém um marketplace B2B que conecta pequenos e médios varejistas do setor de materiais de construção com players da indústria da construção civil.  

 

Saiba mais | Juntos Somos Mais 

O programa Juntos Somos + foi criado em 2014 pela Votorantim Cimentos como um programa de relacionamento, tendo em vista desenvolver o varejo e contribuir para a sustentabilidade da cadeia por meio da geração de novos negócios. Contando com as sócias Gerdau e Tigre, o programa Juntos Somos + se transformou em uma empresa independente, denominada Juntos Somos Mais, uma rede que tem como propósito fortalecer, desenvolver e qualificar o varejo da construção civil. Além de oferecer o programa de fidelidade, a startup também opera a Loja Virtual, um marketplace B2B que conecta online o comércio varejista de materiais de construção a marcas da indústria. Atualmente, mais de 30 empresas líderes em seus segmentos participam do programa de fidelidade, juntamente com mais de 100 mil lojas. Na Loja Virtual, são mais de 10 mil lojistas comprando mensalmente. Saiba mais por meio do site oficial.  

  

Informações à imprensa:  

Jackson Viapiana – [email protected] 

Jessica Lessa – [email protected] 

Thayna Madruli – [email protected] 


Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
DEUSARINA ALVES SANTANA
[email protected]


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalamanhecer.com.br/.